Ser anglicano significa...

Texto afixado na entrada da Catedral de Cantuária – Canterbury Cathedral. É um dos mais antigos e mais conhecidos templos do cristianismo da Inglaterra

1. Ser parte da Igreja de Cristo, sem excluir ou isolar-se de outros cristãos, participando da vida do povo de Deus, com suas alegrias e tristezas.

2. Pertencer a uma comunidade onde cada pessoa é respeitada em sua individualidade e pode utilizar os seus talentos.

3. Apresentar uma teologia baseada nas Escrituras Sagradas e na Tradição, coerente com a inteligência e com a razão.

4. Estar disposto a celebrar a unidade na diversidade.

5. Considerar com serenidade as Escrituras Sagradas, sem crer que cada passagem deva ser interpretada literalmente.

6. Preferir a liberdade em Cristo, mais que a uniformidade de opiniões.

7. Sentir devoção e reverência pelos Sacramentos, sem tentar definir cada ponto desses grandes mistérios.

 

8. Conceber o ministério como dever e privilégio de todos os batizados.

 

9. Insistir na moralidade (aquilo que é bom, edifica) e evitar o moralismo (que define a salvação decorrente de uma conduta e não pela obra de Cristo).

 

10. Participar da herança apostólica, a fé no Evangelho de Cristo.

 

11. Ser parte de uma história antiga e sagrada, que se renova a cada dia.

 

12. Crer que a Igreja é de todos e que todos têm o privilégio de sustentá-la segundo a possibilidade de cada um.

Entre em contato conosco - mongesanglicanos@gmail.com

  • Facebook